Parabéns às mulheres hoje e sempre
Compartilhe:

 
 

Parabéns às mulheres hoje e sempre

Que as virtuosas não saiam de seu patamar de valores. Que continuem mais valiosas que as finas jóias.(Provérbios 31 verso 10) Essas sim, edificam sua própria casa. (Provérbios 14 verso 1)

Quanto às tolas, desejo que busquem princípios e reconstruam seus valores para que cheguem ao patamar das virtuosas. As tolas constroem  e com as próprias mãos destroem. Reveja-se; reconstrua-se, irradie o mundo a sua volta, edifique a sua casa. Mude!

Não basta ser mulher para ser virtuosa e por isso o versículo bíblico é uma pergunta:

Quem a achará?

Desejo, por fim, que as virtuosas alcancem o posto de excelência: o segredo é temer ao Senhor: "Muitas filhas têm procedido virtuosamente, mas tu és, de todas, a mais excelente! Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa sim será louvada. (Provérbios 31:29-30). 

A excelência da mulher virtuosa está em sua vida de êxitos e tudo o que se propõe a fazer prospera, sendo o seu trabalho reconhecido e o seu nome louvado:

1) PELA FAMÍLIA: "Levantam-se seus filhos e chamam-na bem-aventurada; seu marido também, e ele a louva." (Provérbios 31:28).

2) PELA SOCIEDADE: Dai-lhe do fruto das suas mãos, e deixe o seu próprio trabalho louvá-la nas portas. (Provérbios 31:31).

Que Deus abençõe à todas as mulheres hoje e sempre!


Postado por: Mais doce que o mel às 14h02






Por que os pássaros cantam?
Compartilhe:

 “Ensina-nos Senhor a contar os nossos dias de tal maneira, que alcancemos coração sábio” (Salmo 90 verso 12).

O canto dos pássaros é mais do que uma forma de comunicação da espécie. Expressa o ânimo e a disposição de vida apesar de todos os riscos diários e, quiçá, perdas. É óbvio, o cantar da passarada  atrai os predadores, mas, por outro lado, há outros fatores que também os atraem. Cantar é o primeiro dos riscos, mas por transmitir a alegria de ainda estar vivo, a expectativa de mais um dia de trabalho e, principalmente a possibilidade de recomeçar, os fatos adversos são insuficientes para as silenciar.

Além de ser fundamental para a procriação e sobrevivência, o cantar dos pássaros tanto ao raiar do sol quanto ao seu ocaso, transmite sinais de demarcação de território. O som melódico, variado e ritmado expressa gratidão e, segundo a Bíblia, louvor e adoração ao Criador. A Palavra de Deus ensina: a natureza proclama a Glória de Deus!

Apesar  de  toda a fragilidade da vida, os pássaros cantam ao amanhecer. Logo ao nascer do sol louvam a Deus por mais um dia e verificam o território, checam os ninhos, a disposição de alimentos e agradecem ao Criador por terem passado mais uma noite e sobrevivido aos possíveis  ataques dos predadores aos fenômenos naturais, entre outros fatores. Essa gratidão se repete ao entardecer.

Ainda que haja perda! Eles cantam; eles louvam; eles agradecem!

Viver é algo muito valioso e a Escritura Sagrada instrui: “um dia faz declaração a outro dia, e uma noite revela conhecimento a outra noite.” (Salmo 19 verso 2)

Os pássaros dão lição aos seres humanos na maioria. É preciso viver dia após dia sem está ansioso com o que ocorrerá amanhã. Diz a Bíblia: “Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã; porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.” (Mateus 6 verso 34).

Demais, amigos, Deus nos ensina em sua Palavra: “Os passos de um homem bom são confirmados pelo Senhor.” (Salmo 37 verso 23)

Seja grato como os pássaros, independente das circunstâncias, pois é Deus quem  sustenta a sua vida; Ele é quem te justifica e Ele jamais sai do controle!

É importante aprender a confiar no Senhor e vier de fé em fé, ciente de que Ele sabe o que faz ainda que contrarie a vontade humana!

Sempre haverá motivos para agradecer e louvar a Deus! Cada dia é um dia de conquistas; cada dia de conquistas representa uma batalha ganha. O simples respirar é por si só, motivo de gratidão!

Cante ao entardecer, louve a Ele por mais um dia de labuta, de forças, de alimentos,  de vida e seja grato pela noite a se aproximar, rogando-lhe a sua proteção. Agradeça, ainda que tenhas sofrido perdas à luz do sol ou no meio da escuridão noturna.

Encontre forças para te ergueres a cada manhã com fé e esperança. Firme na presença de Deus. Entregue o teu caminho ao Senhor e confie Nele (Salmo 37 verso 5)

Louve ao Senhor, Ele cuida de Ti! Mas, se não consegues, ore de forma semelhante, mas com as suas palavras:

“Jesus, dai-me fortaleça-me! Ensina-me a ser grato a Ti! Multiplique a minha fé! Dai-me a sua paz! Ensina-se a aceitar a sua vontade e dirija-me em seus caminhos! Obrigado por esse lindo dia e por tudo o que Tu colocaste a minha disposição! Livra-me do mal! Vim lhe dizer, meu Deus, obrigado! Vim lhe render louvores; vim te glorificar, pois só Tu és digno de louvor e todas as coisas estão sob o seu domínio. Glórias ao Teu Nome, pois tu abençoaste o meu dia (ou a minha noite). Fortaleça-me para eu superar as adversidades e permanecer diante de Ti! Glória a Deus! É em Nome de Jesus que clamo a Ti. Amém!”

Deus abençoe a sua Vida!

Por: S.S. Montalvão/ 2012


Postado por: Mais doce que o mel às 17h12







Não basta dizer: Sou Evangélico
Compartilhe:

 “Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos e os seus ouvidos estão atentos à sua oração, mas o rosto do Senhor volta-se contra os que praticam o mal". (I Pedro 3. Verso 12)

Ao se ajoelhar e clamar ao Senhor Jesus logo Ele mostra que está a escutar. Persistir em oração cria a vontade de estar mais junto, mais perto. Surge um desejo ardente de permanecer sentindo a presença Dele.

A presença de Deus traz paz de espírito; traz conforto, traz força. Muda a forma como se enfrenta os medos, as dores, as ansiedades, as perdas e também as conquistas e vitórias.

A medida que alguém se aproxima de Deus por meio da oração, do louvor, da adoração e da leitura da Bíblia o Espírito Santo de  Deus começa a fluir e mudar os pensamentos, os sentimentos e as necessidades. Ele começa a derrubar as resistências porque o espírito humano foi feita para transbordar a vida que vem do trono de Deus.

O indivíduo que busca uma vida íntima com Deus, busca andar de mãos dadas com Cristo, pois o corpo humano foi criado para ser templo do Espírito Santo e necessita de Deus. Ao render-se aos pés do Criandor o espírito humano flui em adoração voluntária  por reconhecer que de fato Deus é Fiel e ouve das mais simples orações as mais complexas. Ele faz com que o adorador se recorde das maravilhas feitas, das respostas das orações e dos livramentos.

 Deus trabalha de uma forma tão amorosa que é impossível não contemplar a beleza de sua majestade. Ele é tão sutil como um pai amigo que conversa com o filho a fim de que o pequeno entenda sua vontade e a sua necessidade de obedecer para obter êxito.

Deus não pressiona; não obriga; não impõe medo. A presença do Pai Celestial traz paz e desperta o espírito voluntário. O adorador quer mais é obedecer, se render e revelar aos outros a fonte de água viva encontrada em meio ao deserto.

O adorador não se satisfaz em ter apenas para si a maravilha da comunhão com Deus e por isso torna-se, de boa vontade, um missionário do amor do Pai.

Aproximar-se de Deus com constância torna-se uma necessidade e um prazer.  Deus vai transformando do interior para o exterior e as mudanças se tornam visíveis no dia a dia da pessoa.

O requisito para estabelecer essa comunhão com Deus é reconhecer a superioridade do Criador, o amor de Deus por meio de Jesus. O segredo é crer. É confiar e está disposto a se render e se entregar de corpo, alma e espírito ali, de joelhos, aos pés do salvador ressurreto.

Muitos se dizem evangélicos para adquirir certa credibilidade ou vantagem, mas desconhecem que o verdadeiro servo é adorador e não usa o nome de Deus para adquirir interesses pessoais. O falar, o andar, o vestir mudam e o agir resplandecem a glória de Deus. Não há duplicidade de comportamento.

Ter comunhão com Deus faz o ser humano ter consciência de sua condição de pecador e da necessidade de transformação. De imediato a pessoa entende que precisa mudar, deixar hábitos e condutas não aprovadas por Deus. A intimidade com Deus grava a Palavra da Verdade no coração, pois as ovelhas conhecem e reconhecem a voz de seu pastor.  Louvar a Deus é o alimento!

Não basta dizer: Sou evangélico!

É preciso ter comunhão com Deus e uma vida guiada pelo Espirito Santo.

Com Deus não há hipocrisia, duplicidade de identidade, de comportamento, do falar e do agir.

Evangélico que não dá testemunho de crente, que não se separa do mundo não é evangélico.

A Palavra de Deus instrui:

- a amizade com o mundo é inimizade com Deus; (I João capítulo 2 versos 16 e 17)

- afaste-se da aparência do mal; (I tessalonicenses capítulo 5 versos 21 e 22)

-afastar-se do mal notório; (I Pedro capítulo 3 versos 10 e 11)

- maior condenação há para o que sabe que está errado, tem consciência do erro e permanece. (Tiago 4 verso 17)

A intimidade com Deus faz o verdadeiro servo abominar o erro e a prática pecaminosa. A vida com Deus traz temor, traz sabedoria, dá discernimento e autocontrole.

Serão envergonhados todos os que procedem com hipocrisia e falsidade. Dizer que é evangélico e não viver o que a Palavra de Deus ensina só aumentará a condenação de tal indivíduo ante Deus e os homens.

Muitos dizem: Senhor, Senhor, mas poucos serão reconhecidos por Deus. (Mateus capítulo 7 versos 17 ao 26)

A Palavra é clara: Ele separa o justo do injusto. (Leia a Bíblia)

Amigo,

Busque a comunhão com Deus.

Tenha uma vida de oração.

Paute-se na Palavra de Deus.

Deixe Deus achar em você um verdadeiro adorador!

Seja uma verdadeira testemunha da bondade, do amor, da paz, da vida transformadora e da comunhão com Deus. Viva com Deus!

Deus te abençoe!


Por: S. S. Montalvão em 15/07/2012

Que a letra dessa música seja essa a sua oração:

Sal e Luz  - (Nani Azevedo)

Quero andar após os Teus passos

Colocar meus pés nas marcas do Teu caminhar

Nada pode desviar-me do alvo

Meu olhar está sempre em Ti Jesus

É o desejo que tenho em minh'alma

Prosseguir no caminho de santificação

Necessito mais da Tua graça

Vem mover em minha vida

Com Tua poderosa unção

Eu não quero ministrar só com palavras

Mas também com atitudes meu Senhor

Que a minha vida seja a expressão

Do fluir da Tua Glória

Do fluir do Teu Amor

Vem moldar os sentimentos em minh'alma

Quero ser segundo o Teu coração

Pra ser Sal da Terra e Luz do Mundo

Um canal da Tua Poderosa Unção

Sal e Luz – Nani Azevedo (video)

Veja o vídeo da música  e seja edificado.


Postado por: Mais doce que o mel às 13h52







Você Decide!
Compartilhe:

 
“Crês, tu, que Deus é um só? Fazes bem. Até os demônios creem e tremem.” (Tiago 2 verso 19)

Muitos são chamados;

Poucos são os escolhidos. (Mateus 22 verso 14)

Muitos se dizem crentes;
poucos receberam a salvação. (Mateus 13 versos 24 ao 30)

Muitos dizem conhecer a verdade;

Poucos colherão os seus frutos. (João 8 versos 31 e 32)

Muitos querem a benção;

Poucos querem o salvador. (Lucas 17 versos 11 ao 19/ )

Muitos trabalham;

Poucos alcançarão o resultado. (I Coríntios 3 versos 12 aos verso 15)

Muitos dizem aceitar e crer; (Mateus 7 verso 21)

Poucos renunciam  o bastante.

(Lucas 14. 33/ Mateus 8 versos 34 e 35)

Muitos são provados;

Poucos são os aprovados.

(Jeremias 17 verso 10/ I Coríntios 10 verso 13))

Muitos se dizem amigos de Jesus;

Poucos entrarão no Reino dos Céus.

 (João 15 verso 14/Tiago 4 verso 4)

Muitos se dizem arrependidos;

Poucos se autojustificam.

(Lucas 13 versos 1 ao 5/ Provérbios 28 verso 13)

Muitos clamam por Deus;

Poucos confessam Jesus como Senhor de suas vidas.

(Romanos 10 verso 9/ Lucas 12 vs. 8 e 9)

Deus provou o seu amor para com todos. (João 3. Verso 16)

Poucos são feitos Filhos de Deus. (João 1 verso 12)

Muitos vão ler isso;

Poucos aceitarão a Palavra de Deus. (Mateus 13  versos 1 ao 23)

(Por: S. S. Montalvão)

Amigo (a),

Não é questão de exclusão ou de destino. O que define o resultado são as escolhas, a perseverança e a disposição, a obediência, a renuncia, o autocontrole, o interesse em buscar e manter a vida e comunhão com Deus.(Jeremias 29 verso 13).

A Bíblia ensina que o Reino dos Céus é ganho a forças. Da mesma forma esclarece que o caminho é estreito e a porta apertada

(Mateus 7 verso 13).

Para melhor entender esse ensino faz se necessário estabelecer uma comparação com os concursos públicos ou com os vestibulares nos quais são exigidos dedicação aos estudos e autodisciplina, pois muitos concorrem às vagas, porém somente os preparados é que realmente são escolhidos para as ocuparem.

Apesar da comparação, é preciso ressaltar que no Reino dos Céus não haverá falcatruas, pois há apenas uma porta e um caminho. Não há como adentrar por meios fraudulentos.

(João 10 verso 9/ João 14 verso 6)

Aqueles que guardarem a fé e viverem segundo a vontade de Deus encontrarão seus nomes escritos no Livro da Vida e serão chamados para a Vida Eterna com Deus. (Apocalípse 20 versos 11 ao 15)

Por S.S. Montalvão/2012


Postado por: Mais doce que o mel às 14h38







Compromisso
Compartilhe:

Essa mensagem inicia-se com a letra da música:Compromisso - Banda Actos 2
Enquanto você lê a mensagem ouça a música no link do video postado, mas minimize a janela do youtube.

Compromisso
Não existe nada melhor
Do que estar diante de Deus
Pode o mundo se abalar
Seguro estou em ti
Seguro estou em ti.
Tudo foi criado por ti
Nós também pra teu louvor
Quero sempre te exaltar
Pois és fiel a mim
Pois tu és fiel a mim...

Bom é estar te servindo
Com compromisso contigo
Nada vai nos separar
Do teu amor, Jesus...

Ouça a música desse video enquanto você lê  a mensagem logo abaixo do link (minimize a janela do video):
http://www.youtube.com/watch?v=plc9SvHloZE&feature=youtu.be

Essa é a letra de uma clássica música evangélica brasileira.

Para muitas pessoas ler a Bíblia e orar é um sacrifício. Mas quando se dobra os joelhos na presença de Deus sempre é para ser abençoado.

Deus é aquele Pai que não deixa você sair da presença dele sem um grande presente. Saiba: os melhores presentes de Deus são espirituais e não materias. Mais importa SER cheio do Espírito Santo, dos dons, dos frutos, da Graça de Deus do que TER um carro do ano, uma casa espetacular, luxo e um coração vazio da Paz de Cristo Jesus!

Pois quando busca-se a Deus em primeiro lugar as demais coisas passam a ter menos importância e a confiança é tão grande que surgi a certeza de que Ele há de suprir, a seu tempo, cada necessidade.

Quando se rende a Deus o louvor, a honra e a glória a Ele devidas, a poeira do mundo  não faz sentido. Está na presença de Deus traz uma alegria intensa que aumenta a vontade de permanecer ainda mais junto à Ele.

Glorificar a Deus, Orar, Ler a Bíblia, Louvar é obrigação de cada indivíduo, não porque Deus dependa disso para continuar sendo o que é, mas para que o homem, o ser humano, tenha condições de exercitar o amor de Deus para consigo mesmo e para com o próximo.  Servir a Deus rende ao servo capacidade, força e sabedoria para enfrentar e vencer as adversidades do mundo e os ataques dos inimigos.

Funciona como um rémedio ao convalescente. É como o alimento ao faminto a beira da morte. É a água após uma longa caminhada sob o sol calsticante.

Louvar, glorificar e servir a Deus só traz benefícios ao servo.

Quando Deus lhe diz: Busque-me! Ore! Louve! Cante! Glorifique! Faça a minha vontade! Sirva-me!

Ele está apenas mostrando a você onde estão as chaves das vitórias que desejas alcançar.

Muitas pessoas acham difícil; outros acham que estarão fazendo favor a Deus. Ambos os grupos desconhecem, entretanto que se não o fazem estarão fazendo é desfavor a si mesmos, pois deixarão de conquistar vitórias e ficarão espiritualmente mortas.

Um brado de Glória a Deus abala o mundo espiritual que embaraça a sua vida. Comece pois, a dizer: Glória a Deus!

Aprenda a dizer: Eu te amo Jesus Cristo! Você vai ver que somando-se isso a sua oração e leitura da Bíblia, a paz interior que você alcançará é inigualável e isso refletirá no seu dia a dia. Você poderá perceber as portas se abrindo e mesmo que você esteja passando por um momento de dor, perda, adversidade qualquer, Você entenderá e se sentirá fortificado em Deus.

Ainda que você sofra perseguição, ataques ou que os problemas pareçam dobrar, chegar-se a Deus aumentará a sua fé e a sua esperança.

Desespero, angústia ansiedade, dor entregue tudo a Deus em oração.

Com Deus não há depressão que se mantenha. Esse mal que se multiplica no mundo cresce a medida que as pessoas se afastam de Deus e perdem as esperança no amanhã ante a futilidade, friesa e hipocrisia do mundo.

Mas Deus é FIEL e VERDADEIRO, nele há esperança e todo sentimento depressivo desaparece em Nome de Jesus!

Servir a Deus é, sem dúvida, remédio, água e alimento!

Te adorar meu Deus, é alimento! (é o que se ouve em uma música da cantora Elaine de Jesus).

por: S.S.Montalvão/2012


Postado por: Mais doce que o mel às 12h34







Creia e espere o agir de Deus
Compartilhe:

 
 “Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria?” (Números cap. 23 verso19)

O livro bíblico de Gênesis narra a história de José. Nesse relato se aprende lições grandiosas sobre as promessas de Deus, a preparação do escolhido e o caminho a percorrer até que Deus venha cumprir o que prometeu. A vida de José passou por enormes reviravoltas até que ele alcançasse a realização dos sonhos revelados por Deus. É o que se lê a partir do capítulo 37. leia os capítulos e considere:

 Deus em seu agir:

  • promete e cumpre;
  • tem um plano para cada criatura;
  • trabalha na vida do escolhido;
  • continua agindo apesar das afrontas e dificuldades originarem dúvidas;
  • jamais se esquece do escolhido e do que prometeu;
  • abençoa por meio do cumprimento da promessa tanto ao escolhido quanto às pessoas a sua volta;
  • cuida do seu servo e dos que hão de vir ao conhecimento de sua justiça por meio dele;
  • jamais se precipita e nem se atrasa, pois o tempo de Deus não é o tempo do homem (a promessa feita a José só se cumpriria no período da seca e da grande fome)
  • prepara, modela e capacita o escolhido;
  • cria situações favoráveis nos aspectos sociais, econômicos e até mesmo políticos tanto para trabalhar o caráter do escolhido, quanto para cumprir as promessas;
  • cria situações desfavoráveis para provar a fé; fazer o escolhido lembrar-se das promessas; Deus abate e depois ergue com o objetivo do escolhido ter humildade ao receber a benção prometida sem elevar o seu coração achando ter alcançado a vitória por méritos próprios;
  • tira o escolhido do comodismo. Quando as promessas começam a se cumpri e o servo começa a se descansar;
  • serve um banquete no deserto para mostrar que está no controle da situação e que o melhor está por vir – (José foi exaltado a posição privilegiada. Depois de vencidas as agruras sofridas pela traição dos irmãos ele começou a sentir o gosto de viver a promessa)
  • Deus tem o melhor para o que espera nele - Deus ainda não concluíra a obra tanto na vida de José quanto a sua volta, então submete seu servo a provas, abate-o para exaltá-lo. Deus permitiu que José fosse lançado na prisão devido a calúnia para só então cumprir o restante do sonho e elevá-lo a posição superior. O tempo Determinado ainda não chegara)

 Quanto ao escolhido é preciso:

  • manter a fidelidade para com Deus;
  • resistir às tentações;
  • saber esperar;
  • ter humildade;
  • é necessário se dispor;
  • aguardar em silêncio; vigiar e calar-se quando necessário;
  • suportar a provação - Deus não deixa o seu servo no fundo do posso ou aprisionado além do tempo necessário;
  • confiar no agir de Deus e não questioná-lo, não rebelar-se, não tentar fugir;
  • suportar o processo de tratamento de Deus;
  • resistir ao diabo e os seus manjares;
  • perseverar sabendo que Deus tem o melhor e sabe o que faz;
  • não esquecer as promessas, mas manter-se firme.
  • não fechar as portas que Deus abre
  • Deus não obriga o escolhido. Se ele não se dispuser Deus poderá levantar outro, mas cobrará do que não fez pela sua omissão.

Quanto às promessas de Deus
  • se cumprem no período certo planejado por Deus e não no tempo almejado pelo homem;
  • tem um fim missionário;
  • podem ser loucura aos olhos dos descrentes;
  • abençoam tanto a vida do escolhido e traz realizações em todas as áreas de sua vida;
  • está estritamente ligada ao ministério confiado por Deus assim como pelos dons, talentos e habilidades;
  • realizam-se apenas quando Deus conclui o processo de preparação tanto do escolhido, do público a ser alcançado quanto do local (s), período (s) e espaço (s) conforme Ele planejou - Deus prepara o cenário.
  • é necessário permanecer fiel.
  • servem de remédios na hora da angustia, pois renovam as forças e faz o escolhido voltar a ver o alvo. Faz brotar a esperança.
  • a promessa de Deus é a revelação de que Ele completará a obra restauradora.
 Portanto, se tu fores fiel, Deus cumprirá em sua vida tudo o que Ele a ti prometeu! Não deixe as lutas te abater firme-se a sombra das Palavras do nosso Senhor Jesus Cristo.

(por: S.S.Montalvão/2012)


Postado por: Mais doce que o mel às 23h18







Isaías 53.5
Compartilhe:


Postado por: Mais doce que o mel às 11h50







O sentido da Ressurreição!
Compartilhe:

"E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permanecereis nos vossos pecados.” – I  Coríntios  15 verso 17.

De todas as religiões existentes, o cristianismo é a única religião cujo seu fundador ressuscitou.

  • Sem a ressureição não haveria razão de crer, pois inexistiria:
    •  Sentido ao perdão dos pecados;
    • Certeza de Vida Eterna;
    • Fundamento para o arrebatamento;
    • Base para a transformação corpórea  do físico corruptível (material)  para o físico incorruptível (imaterial).
  • A ressurreição de Jesus é a base do cristianismo (a pedra angular), por isto Satanás tenta, desde  o princípio, enganar as pessoas afirmando que Jesus não ressuscitou;

"Os anciãos de Jerusalém inventaram uma mentira para que o povo não acreditasse na ressurreição; Além disso, deram dinheiro aos soldados para espalharem a falsa notícia em troca de proteção ante ao governador.” (Mateus  28. versos 12 e 13)

  • Muitas pessoas não creram; Muitas não creem que Jesus ressuscitou:
    • Há doutrinas que ensinam que Jesus desceu ao inferno e instigam os seus fiéis a crerem que ele permanece preso lá;
    • Há ensinamentos que negam a  deidade de Cristo;
    • Alguns acreditam que Ele foi apenas um profeto, um iluminado, um ser que alcançou certo nível de evolução, por exemplo;
    • Há teorias diversas que negam a ressurreição.
  • A Bíblia assegura que a ressurreição foi um fato real e sobrenatural vindo do próprio Deus. – Atos 2 verso 32.
  • Jesus Cristo teve vitória absoluta sobre a morte, pois ele não tinha pecados, logo não poderia receber tal punição pelo que não cometera.
    • Ele foi moído pelos pecados da humanidade. Como era inocente, venceu a morte; ela não pode aprisioná-lo. - Isaias 53 verso 5.
    • Ele não se sujeitou ao salário do pecado - Romanos 6 verso 23
  • Comprovações da ressurreição:
    • o testemunho ocular dos discípulos, seus amigos, e também, do que se fizeram seus inimigos e os soldados:
      • o testemunho dos soldados – Mateus 28 verso 11.
      • viram o anjo que tirou a pedra que tampava o sepulcro – Mateus 28 verso 2 ao 8.
      • o  túmulo vazio – João 20 verso 5; Mateus 28 verso
      • os lençóis em ordem dentro do túmulo vazio – João 20; Lucas 24 verso 6.
      • Viram o próprio Jesus vivo fora do sepulcro – Mateus 28; João 20; Lucas 24.
      • Jesus provou que seu corpo era físico, composto por carne e osso, Lucas 24 verso 39. Cristo inclusive sentiu fome -    Lucas 24 verso 41.
      • O discípulo que duvidou da ressurreição e quis se certificar de que se tratava de Jesus, não o considerou como não sendo humano ou sobrenatural, apenas acreditou que poderia ser um impostor. – João 20 versos 24 ao 29.
  • Mateus 28 versos 12 e 13 - ausência de fundamentos nos argumentos dos anciãos:
    •  
    • se o corpo tivesse sido furtado os lençóis estariam em desordem, pois o furto deveria ocorrer sem que os soldados acordassem, caso estivessem dormindo.
    • os soldados romanos estavam fortemente armados; eram bem disciplinados; eram submetidos a rigorosos treinamentos; eram severamente punidos pelos centuriões em caso de falhas. Não tinham qualquer interesse religioso sobre o corpo de Jesus;
    • não há descrição de que tais soldados foram punidos, pois de fato receberam dinheiro e proteção para negarem o que testificaram.
    • os discípulos estavam amedrontados. Temiam morrer como  o mestre; Eles estavam submetidos ao domínio do Império Romano,  logo não teriam coragem de enfrentar os soldados - a guarda do túmulo.
    • os discípulos, ao se dirigirem ao sepulcro, estavam preocupados sobre quem removeria a pedra – Mateus  16 verso 3.
    • declaração de Maria Madalena foi de surpresa e a reação dos discípulo foi de euforia  – João 20 verso 1ao 4; Lucas 24 verso 4.
    • os discípulos acharam que as mulheres estavam delirando – Lucas 24 verso 11.
    • antes de sua morte, Jesus avisara  que ressurgiria.
    • O espírito de vida de Jesus voltou para o seu mesmo corpo físico de outrora, porém esse tornou-se incorruptível.
  • O que ocorreu durante os três dias em que Jesus esteve morto:
    • Ele cumpriu uma missão no coração da Terra - Mateus 12 verso 40;
    • A alma de Jesus não foi deixado no inferno e nem o seu corpo viu a corrupção (não se decompôs) – Atos 2 verso 31.
    • Lutou com Satanás e o derrotou conforme Deus prometera a Adão e Eva - Gênesis 3. Verso 15.
    • lutou com a morte e a venceu –  II Timóteo 1 verso 10; Apocalípse 1 versos 12 ao 18.
    • Tomou as chaves do inferno. (Ele tem as chaves da morte e do inferno) - Apoalípse 1 versos 12 ao 18;
    • Junto com Ele  todas as pessoas que tinham morrido antes Dele, desde Adão, ressuscitaram. Tais pessoas estavam em uma região denominada de  "SEIO DE ABRAÃO" ou paraíso (na parábola de Lazaro, no capítulo 16 do evangelho de Lucas, nota-se que estava no mesmo plano que o Hades embora quem estivesse de um lado não pudesse passar para o outro). Nesse paraiso encontravam-se todos os justos - os que foram fiéis a Deus desde o princípio – Mateus 27 verso 52 e 53; I Coríntios 15 verso 23;
    • o paraíso saiu do plano terreno e ascendeu aos céus. Já não se encontra no mesmo plano que o Hades - II Coríntios 12. versos 1 ao 4.
  •  Após a ressurreição Jesus esteve na Terra por quarenta dias dando instruções aos seus discípulos os quais designou e deu autoridade para pregarem o evangelho a toda criatura. – Atos 1 verso 3 e 4; Marco 16 verso 15 ao 20;
  •  
    • Ele ascendeu aos Céus onde foi glorificado – Atos 1 verso 9 ao 11;
    • Testemunhas da ascensão – Atos 1 versos 12 ao 14;
    • Jesus Cristo recebeu todo o PODER nos Céus e na Terra – Mateus 28 verso 18;
    • a aparência de Cristo glorificado está descrita no capítulo 1 de Apocalípse versos 12 ao 18.
    • Foi lhe dado um Nome que está acima de todos os nomes: Filipenses 2 verso 9; Hebreus verso 4;
    • Ele age na Terra por meio do Espírito Santo de Deus – Atos 1 verso 8
    • E todos quanto Nele crerem e o receberem serão feitos filhos de Deus – João 1 verso 12;
  • A graça de Deus advinda com a ressurreição proporciona a certeza de que:
    • Romanos 4 verso 25
    • Ele é o sumosacerdote  que intercede por todos os nele  buscam socorro e libertação - Romanos  8 verso 34; Hebreus 7 verso 26.
    • Quem Nele crê vence o mal; é vitorioso - Efésios 1. 19.22
    • Ele dá aos que nele creem poder para operar sinais e prodígios - Mateus 28.18; Marcos 16. 18; II Coríntios 4. 14; João 14.19
    •  haverá ressurreição de todos os que Nele creram, creem e crerão – I Coríntios 15 versos 13 ao 23; I Tessalonicenses 4 versos 13 ao 17;
    • o mundo será julgado com justiça no dia do juizo - Atos 17 verso 31;
    • Jesus Cristo foi preparar lugar na casa do Pai – João 14 verso 3;
    • Ele voltará para levar consigo os que forem fiéis – João 14 verso 3; I Tessalonicenses 4 verso 16 e 17;
    • É preciso buscar a santificação para entrar no Reino de Deus – I Pedro 1 versos 13 ao 24; Apocalípse 24.

Amigo, leia e reflita sobre as referências bíblicas indicadas. Deixe Deus falar ao seu coração, pois Jesus Cristo está vivo!

 

Por: S.S. Montalvão - 2012


Postado por: Mais doce que o mel às 14h24







Quando 3 é igual a 1
Compartilhe:

 
 

Quando se fala em Trindade divina muitas pessoas não entendem o que realmente significa: Pai; Filho; Espírito Santo.

De fato se trata de uma só pessoa, pois como três poderiam ter a mesma mente ao ponto de nunca se contradizerem ou se desajustarem?

Um determinado pregador fez a comparação com um ovo: casca; clara e gema. Explicou que cada parte isolada não é um ovo, pois cada parte possui suas próprias funções e características que se somam.

Deus  já se revelou para o ser humano em suas três dimensões. Para Deus nada é impossível! ((Lucas 1 verso 36).

No princípio o Criador comunicava-se com a criatura. Aqui a personalidade de Deus é demonstrada como um ser justo que orienta as criaturas como um Pai que fica irado, disciplina o filho rebelde e é misericordioso para com os que são obedientes, assim como para com os que se arrependem. Revela-se como um Deus guerreiro que defendem os seus filhos de forma miraculosa e que a eles revela os seus mistérios. É um Deus de propósitos, zeloso e superior. (Êxodo 34:14)

No segundo momento Deus se fez carne:

"No princípio era o Verbo e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus." (João 1 verso 1)
"Todas as coisas foram feitas por intermédio Dele, e sem Ele nada do que foi feito se fez."
(João 1 verso 3)
"O Verbo estava no mundo ,o mundo foi feito por intermédio Dele, mas o mundo não o conheceu. Veio para os que eram seus e os seus não O receberam (...)" 
(João 1 verso10)
"E o Verbo se fez carne e habitou entre nós"
(João 1 verso 14).

Nota-se, ainda, a ação de Deus em suas três dimensões nesse texto bíblico:

“E, respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso também o Santo, que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus.” (Lucas 1 verso 35).

Ele se relaciona com a criatura fazendo-se homem. Esse propósito é para demonstrar aos seres humanos que ele é Verdadeiro e Fiel. Reforça o seu conceito de Justiça, pois se submetendo as mesmas dores, fraquezas e tentações comuns da carne, Deus deixa claro para o ser humano que os entende bem tanto para abençoá-los com o perdão como para julgar e determinar a condenação.

Jesus Cristo veio pregar o Reino de. Sua vinda a terra na forma humana teve o principal objetivo de restaurar para si todos os que crerem e que, diferente de Adão, estejam dispostos a andar conforme o Plano de Deus, renunciando as suas vontades próprias que contrariam a vontade de Deus.

Sendo homem Ele esteve sujeito a morte como todos os seres humanos, mas Ele, somente Ele, teve o poder de vencê-la ao ressuscitar, pois assim, por meio da ressurreição, garante que todos que o receberem e forem feitos filhos de Deus hão de herdar a vida eterna. Onde muitos, como Ele, terão a glória de serem arrebatados e receberem um corpo incorruptível. A Bíblia ensina que nesse momento seus corpos serão transformados de mortal para imortal (I Coríntios cap. 15).

Assim deu-se início ao tempo da graça. Hoje o acesso a Deus é livre por intermédio de Jesus, através do Poder do Espírito Santo.

Após a ascensão de Jesus aos Céus, ocorreu a terceira manifestação da pessoa de Deus aos homens.

Deus se revela como o Consolador. Ele se manifesta como a Vida espiritual, por meio de seu Espírito. Disse Jesus:

“E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;”
 “O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.”
 “Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós.”

João 14. Versos 16 ao18

 “EU SOU o caminho, a verdade e a vida.” - João 14 verso 6.

Antes de ascender aos Céus Jesus prometeu permanecer  na Terra por meio do Espírito Santo..

“E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém.” (Mateus 28 verso 20).

O Espírito Santo é o próprio Deus; é o próprio Cristo. Hoje Ele faz a conexão entre o espírito do homem e Deus. Ele, desde então, está ainda mais próximo da criatura humana.

Reflita: o Criador falava com o homem como um ser maravilhoso e revelou-se como o Altíssimo e se identificava como o grande EU SOU.

O Filho: Deus falando com o indivíduo como seu igual, porém com uma missão especial: Vencer o mundo revelando-se Deus por meio da Palavra – verbo, mas disse:

“Antes que Abraão existisse, EU SOU” (João 8 verso 58).

O Espírito Santo: Deus habita e fala no interior dos que o buscam. Ele lhes dá o poder para vencer as tentações, o pecado, as enfermidades, o dia-a-dia e conhecer os seus mistérios. O grande EU SOU habita no coração dos que aceitam a sua redenção.

O Espírito de Deus confirma o sacrifício de Cristo em cada coração que o recebe e opera mudanças na vida dos que Nele creem.  Ele concede dons espirituais e capacita cada um para que tenham a semelhança de Cristo ao vencer o mundo com as suas paixões.

A Palavra de Deus ensina que os três, sendo um, sempre estiveram juntos desde antes da fundação de todas as coisas. Por meio do seu Espírito Deus deu a Vida às suas criaturas.

“Eu sou o Senhor, que faço todas as cousas, que sozinho estendi os céus e sozinho espraiei a Terra.” (Isaías 44 verso 24). Leia o primeiro capítulo de Gênesis.

 Amigo, hoje é o Tempo da Graça de Deus. Ao findar esse período o grande Deus irá julgar a todos segundo as suas obras, pois nesse momento, como se assentará em seu Trono para estabelecer juízo. Ele haverá de lembrar-se das fraquezas humanas como ser humano que foi, para pesar na balança as condições e as forças que cada um fez para se afastar do pecado e cumprir sua missão terrena vencendo a carne, acreditando em sua Palavra.

Haverá, pois, de sentenciar conforme as oportunidades e habilidades dadas a cada indivíduo enquanto Ele agiu como Consolador falando ao coração de cada pessoa sobre as suas fraquezas e necessidades de abandonar a vida fútil e desviada de Deus.

Deus, nas suas três formas, se unirá para julgar. Veja o que diz Apocalipse 1verso 8:

Diz o Senhor Deus: EU SOU o Alfa (o princípio) e o Ômega (o fim), aquele que era (Criador e Jesus), que é (Espírito Santo) e que há de vir (Jesus), o TODO PODEROSO (Pai, Filho, Espírito Santo).”

Jesus diz: “Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa (em seu interior) e cearei com ele e ele comigo.” Apocalipse 3 verso 20.

Breve Jesus Voltará!

“Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.
Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem.
Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.”

(1 Tessalonicenses 4 versos 14 ao17)

Deixe o Espírito de Deus fazer mudanças em sua vida a fim de que no grande dia do Senhor Jesus Tu esteja preparado para encontrares com Ele nos ares, pois o mundo não vai se acabar tão cedo, como alguns dizem, ao invés disso, será entregue a trindade satânica (Apocalípse cap. 13 e cap. 17). Esse período será a Grande Tribulação. Momento em que se derramará a ira de Deus sobre a Terra: “Porque haverá então uma tribulação tão grande, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem jamais haverá.” (Mateus 24 verso 21).

Que Deus te abençoe

Por: S.S. Montalvão

 


Postado por: Mais doce que o mel às 01h15







Um Ótimo Fevereiro - Andando com Jesus!
Compartilhe:

 
 

O primeiro mês de 2012 passou rápido!

Não deixe o ano acabar sem dar a si próprio a oportunidade de estreitar sua vida com Deus.

Pergunte-se: Quem é Jesus para mim?

Para Ele, você é muito especial!

Jesus se importa contigo  e não está distante como pode lhe parecer.

Deus cuida de você!

Que haja lugar para o Mestre em sua vida.

Que Jesus Cristo dirija o seu viver a mês a mês.

Quando as adversidades chegarem você não se sentirá só

Quando tudo falhar

Deus irá te fortalecer e livrar.

Você vai entender que Ele está no controle.

Andando com Jesus e buscando o Reino de Deus e a sua Justiça em primeiro lugar

As demais coisas Deus irá lhe acrescentar (Mateus 6.33).

Que o Príncipe da Paz, o Sol da Justiça, a Estrela da manhã, o Lírio dos Vales,

JESUS: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte e Pai da Eternidade,

esteja presente desde o pequeno instante ao ápice de cada evento, semana a semana.

Trazendo para você a esperança de um novo amanhacer com a Graça e a força de Deus.

Saiba dizer ao alvorecer, triste ou alegre: Obrigado Jesus! Glória a Deus!

O louvor é a arma para vencer todas as batalhas.

Disponha-te como servo e deixe Deus te usar.

Convide Jesus e se proponha a seguir-lhe os passos.

Ande com o Mestre!

Tenha dias de vitórias a cada mês que virá!

 com sucessos, realizações, alegrias e superações!

Sê forte e corajoso!

Não desanime ante as surpresas desagradáveis.

Busque Nele a fé inabalável!

 Que Deus lhe dê um abençoado mês de Fevereiro!

JESUS ESTÁ VOLTANDO! ESTEJA PREPARADO!

Por: S.S. Montalvão

 


Postado por: Mais doce que o mel às 23h36







Em tudo dai graças!
Compartilhe:

 
 

"Em tudo dai graças; porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco." (I Tessalonicenses 5 verso 18)

 

É muito compensador quando se faz algo com esforço e ao fim ouve-se a expressão: “Obrigado!”

Elogios sinceros, agradecimentos, são atitudes que engradecem tanto o elogiado quanto o que elogia ou o que agradece.

Muitas vezes a pessoa que recebe um elogio sente-se tão honrada que termina por compensar quem o elogiou. Igualmente ocorre com a pessoa que ao fim de seu trabalho encontrou um agradecimento.  A tendência natural é que a pessoa persista em sua atitude e procure ser melhor.

A Palavra de Deus ensina que devemos agradecer a Deus em tudo, ainda que a situação não seja boa.

Nada acontece por acaso e, ainda que naquele momento de dor não se saiba a razão de agradecer, é preciso não ser egoísta. É necessário olhar em volta para encontrar os motivos da gratidão.

O ser humano tende a olhar para o hoje e nem sempre percebe que em tudo há uma lição a ser assimilada. Muitas vezes a ansiedade e a auto piedade impedem o amadurecimento espiritual.

Agradecer a Deus traz um enigmático conforto, uma esperança, pois representa uma posição de humildade em reconhecer que Ele está no controle de todas as situações.

Muitas pessoas passam o dia reclamando de tudo e nunca abrem a boca para dizer: Glória a Deus!

Quando lhes sobrevém pequeníssimos desconfortos logo reclamam; se grande problema lhes surpreende nem pensam: blasfemam, proferem injúrias contra o Criador.

Em situações de conquistas, não se tardam em atribuírem o êxito as suas próprias forças. A vida dessas pessoas passa de mal a pior, aos trancos e barrancos. Uma coleção de sacrifícios de tolo, lamúrias e insatisfações. Conquistas e perdas muitas vezes repentinas ou até mesmo progressivas.

Há pessoas que não sabem dizer "obrigado", e por isso a sua visão da vida e do mundo é sempre sombria.

Por outro lado, querem sempre ser recompensadas, mas como possuem visão turva não produzem por muito tempo o suficiente para manterem-se na posição de reconhecimento. As feiuras de suas almas logo aparecem por meio da inveja, da ganância, das intrigas, fofocas, entre outras atitudes não menos negativas e egocêntricas, pois nunca se sentem satisfeitas. Algumas terminam magoando terceiros a sua volta com palavras de humilhação e desprezo.

Agradecer a Deus é muito mais que qualquer manifestação de gratidão, pois Ele abre os olhes de quem o louva e faz com que o indivíduo que o busca tenha esperança no meio da provação. O conforto de Deus renova as forças e permite que haja superação mesmo em meio a dor.

Ser grato a Deus diante do êxito diário, das conquistas multiplicam-se as vitórias, pois o Nome de Deus é glorificado.

O único propósito de Deus ao instruir o ser humano a respeito do agradecimento é derramar seu amor genuíno sem qualquer sinal de egoísmo. Agradecer e Glorificar a Deus são meios pelos quais o ser humano é alimentado espiritualmente, fortificado e abençoado direto do Trono de Deus.

Tudo o que Deus fez, faz e fará é bom! O que Ele exige de cada um tem o objetivo de abençoar, pois o ser humano foi criado para ser receptor do amor de Deus.

Aprenda a dizer: Obrigado, Jesus!

Amigo, se você triunfou diga: Glória a Deus!

A vida é um sopro e muitos, como você, não possuem semelhantes habilidades e condições. O homem só fica em pé até o dia que Deus diz: Basta!

A sua própria força não passa de pó! Louve a Deus pela vida que Ele lhe dá e pelas conquistas que Ele lhe permite.

Mas,

Se o seu momento é de dor busque conforto nos braços do Pai Celestial, e assim terás motivos para dizer: “Obrigado Jesus, pois sei que há um Deus que ouve minhas angústias e entende a minha dor. Em sua companhia eu superarei. Tu és o meu refúgio, a minha fortaleza em Ti confiarei”.

Busque socorro em Deus e agradeça-o por encontra-lo com as mãos estendidas para te abençoar. Peça-lhe, de forma semelhante:

“Deus, a minha dor é grande. Eu não entendo a razão desse sofrimento. Ajuda-me a ser grato em todos os momentos sem ver qualquer ponto de ironia nisso. Preciso de Ti Espírito Santo Consolador, venha fortificar-me para que eu prossiga avante. Tu estás no controle de tudo e os seus pensamentos são mais elevados que os meus, diz a sua Palavra. Eu quero ser grato e quero ser consolado. Obrigado, Deus, porque Tu és o meu refúgio e nesse momento sei que Tu estás comigo.”

Restou demonstrado a razão para agradecer a Deus em meio à dor:  Ele cuida de você e se pedires Ele haverá de guiar-te. Entregue a Ele as suas preocupações. Ele tem cuidado de ti.

Agradecer na circunstância de dor não é agradecer pela dor em si, isso seria masoquismo e hipocrisia! Deus não espera que você tenha tais comportamentos.

Ele espera que apesar da dor o ser humano seja capaz de superar e amadurecer sem que a fé venha a minguar, reconhecendo sobre tudo que Ele é fiel e jamais perde o controle.

O sofrimento é uma oportunidade de se aproximar de Deus por meio da oração e da Palavra com o intuito  de encontrar Nele a calma e o autocontrole necessários diante das razões do desalento.

Pois "quando tudo diz que não tua voz me encoraja a prosseguir..."  (é o que canta o grupo Trazendo a Arca na canção Deus do Impossível)

A medida que o tempo for passando e que você for estreitando o seu contato com Deus você vai ver outras razões para agradecer. Perceberá tanto em seu interior quanto a sua volta que Ele é bom e misericordioso e jamais te deixou desamparado e sem saída. Assim, todos os dias desde o nascer do sol até o novo alvorecer o nome de Deus deve ser louvado. Comece dizendo: Deus obrigado por mais esse dia! Deus abençoe o meu dia!

Que Deus abençoe a sua vida!

Por: S.S.Montalvão

 


Postado por: Mais doce que o mel às 14h12







SAÍDA DE EMERGÊNCIA: Pecar ou Não Pecar?
Compartilhe:

 

Depois que o ser humano escolheu seguir a sua própria vontade e perdeu a comunhão original que tinha com Deus, passou a ter uma natureza corrompida pelo pecado, ou seja:  por práticas que o levam para longe do Criador, pois são contrárias ao que Deus instituiu para o próprio bem da humanidade tanto no aspecto do indivíduo, como da coletividade.
Deus dotou a coroa de sua criação – o homem – com a liberdade de escolher, que é o livre-arbítrio. Assim está diante de cada um, a cada dia que nasce duas alças: a que o leva à atitudes que agradam a Deus e que nem sempre satisfazem ao ego e a que leva o homem a satisfação de suas vontades egocêntricas em prol da realização dos desejos da carne e não do espírito humano.
A carne é o corpo físico e os sentimentos egoístas que são passageiros, pois deterioram junto com a vida terrena. Por sua vez, o espírito humano é a parte que constitui o Ser e trata-se de uma dimensão criada por Deus em cada um para que haja comunicação com o mundo espiritual. É portanto, o corpo espiritual que possui vida eterna. Após o fim dessa vida ele prosseguirá vivo para o destino na eternidade com Deus ou não.

O destino eterno é determinado pelas escolhas diárias, pelas provações e aprovações, pela batalha entre aceitar o livramentos de Deus e resistir o pecado ou entregar-se aos desejos pessoais.
A Palavra de Deus, na epístola escrita por Tiago esclarece como o pecado nasce e se concretiza. O apóstolo instrui, ainda, como vencer as tentações e não dar lugar a práticas pecaminosas.
 No capítulo 1 nos versos 13 ao 15 do livro de Tiago está escrito:


“Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta.
Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado (atraído, enganado) pela sua própria concupiscência (vontade,desejo).
Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.”


Aqui está claro que todos são tentados e a tentação surge por meio de algo que atrai, que chama a atenção e representa uma vontade pessoal. Ao alimentar a vontade ela se transforma num desejo aparentemente desenfreado (concupiscência) e que leva a pessoa a prática do ato: o pecado. Uma vez realizado o desejo impuro, nasce a morte.
A tentação em si não é pecado. A realização do desejo é o pecado em si e esse, uma vez originado, dá lugar à morte.

Há dois tipos de morte: a física e a espiritual.
A morte espiritual surge primeiro, pois o pecado faz separação entre Deus e o homem. Para ficar livre da morte espiritual é preciso arrepender-se e ter disposição para não mais praticar o ato errôneo. Do contrário, não há reconciliação com a fonte de Vida Eterna: Deus. Lembrando que arrependimento não é o mesmo que remorso.
Alguns pecados podem gerar imediatamente a morte física, outros não. Muitas vezes a pessoa continua vivendo e achando que está tudo bem, porém as consequências surgem mais adiante.
É importante saber que o fato de se reconciliar com Deus nem sempre isenta a pessoa da morte física, já que isso, em alguns casos é a consequência do próprio ato. Quando o indivíduo decide cometer o pecado ele assume todos os riscos e danos inerentes.

O perdão de Deus representa a reconciliação com Ele,mas não retira da pessoa a obrigação de reparar o dano causado e a responsabilidade de assumir a consequencia a que se submeteu. Deus não tem o culpado por inocente. (Naum cap. 1 verso 3)

Veja  o que a Bíblia ensina em Êxodo 34 versos 6 e 7. (Fala de Moisés):

“Jeová, o Senhor, Deus misericordioso e piedoso, tardio em irar-se e grande em beneficência e verdade;
Que guarda a beneficência em milhares; que perdoa a iniquidade, e a transgressão, e o pecado; que ao culpado não tem por inocente; que visita a iniquidade dos pais sobre os filhos e sobre os filhos dos filhos até à terceira e quarta geração.”

Não obstante, se o indivíduo passar para a outra vida reconciliado com Deus, pelo menos estará livre da morte eterna (separação eterna de Deus).
Saiba: Deus prova a sua fé,  a sua fidelidade. As tentações vêm, mas sempre há bem perto de você uma saída de emergência: o livramento de Deus.

“Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor.” (Romanos cap. 6 verso 23)

Veja que normalmente quando estais diante da tentação, há uma vozinha dentro de você ou mesmo uma pessoa próxima dizendo: Não faça isso!
Há, assim, sempre a chance de você resistir até  a maior das tentações, porque Deus é justo!

Não há desejo desenfreado quando a pessoa possui auto-dominio.
A Bíblia Sagrada ensina em Tiago capítulo 4, versos 7 e 8.

“Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.
Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações.”


Deus sempre irá lhe fortalecer se o buscares. Peça-lhe forças e se esforce em resistir. Deus quer que você seja aprovado, pois Ele lhe tem amor e você também precisa amá-lo. No capítulo 1 da epístola de Tiago lemos no verso 12:


“Bem-aventurado o homem que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.”


Lembre-se: a vida na Terra é passageira;  é como um sopro que logo se vai. Mas a vida depois dessa é eterna e mais vale o que você faz para agradar a Deus, pois lhe renderá herança incorruptível e a vida plena junto ao Criador e ao Senhor Jesus Cristo:

"Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo;" (Romanos Cap. 8, verso 17a)  

Por: S.S. Montalvão/ 2012 


Postado por: Mais doce que o mel às 13h57








Postado por: Mais doce que o mel às 17h37







NATAL: Proibido Esquecer!
Compartilhe:

 
 

Embora essa data tenha um objetivo comercial para muitos, é, de fato, um momento importante e necessário.

É a festa cristã mais bonita, pois lembra O AMOR!

Esse amor revelado e almejado por todos é verdadeiro, pois é o amor do Criador para com a coroa da sua criação: O SER HUMANO!

Então, ignorando os símbolos comerciais, o Natal de Jesus, comemorado nessa data, ainda que não seja a verdadeira data de seu nascimento na Terra; mesmo que não seja a data real do momento em que Deus tornou-se carne e habitou entre nós, é o instante de poucas horas que une mãos e corações ao redor da Terra.

Ainda que muitos não aceitem ou não comemorem, Deus ainda não permitiu que tal evento fosse cortado dos calendários, pois assim propaga-se, de alguma maneira, que Ele veio ao Mundo para dar a sua vida a fim de que o homem tenha uma nova razão de viver.

Essa data deve ser comemorada nas casas, nas famílias, nas escolas, nas igrejas, nos shoppings, nas praças e em todos os lugares para que se propague o verdadeiro sentido do Natal: JESUS, Prova do Amor de Deus!

Evangelize nesse dia! Você é sal da terra e luz do mundo por intermédio de Jesus!

Jesus, o Cristo, nascerá em muitos corações, pois a luz do Natal se propagará para a eternidade onde Ele foi preparar lugar e voltará para levar consigo todos quanto o receberem e forem feitos filhos de Deus! Ele é a razão de Viver, pois por meio Dele foi dada a você a oportunidade de se reconciliar com o Criador!

Que o Espírito Santo de Deus sopre sobre a Terra e venha sobre todos derramando as dádivas e bênçãos do Pai Celestial!

Se você não recebeu Jesus em seu coração e deseja recebe-lo, ore:

Jesus Cristo eu creio em ti. Acredito que tu, o Deus Pai, tornaste homem para me compreender e mudar o meu viver! Eu quero servir-te com fidelidade e peço:

Entre em meu coração; entre em minha vida, faça de mim uma nova criatura; ensina-me a viver conforme a sua vontade, pois eu quero reconciliar-me com Deus e herdar a vida eterna contigo ao lado do Pai, como tu prometeste. Liberta-me das amarras do pecado e do mal. Eu te aceito como Senhor e Salvador de minha vida! Dá-me a Paz que vem de Ti. Em Nome de Jesus receba a minha oração. Amém!

Feliz Natal para você e sua família!

 

Por: S.S.Montalvão - Dez/2011


Trago o link desse video para você assistir e receber a mensagem musical do Natal:

http://www.youtube.com/watch?v=kCl_WXu8IBM&feature=related

 


Postado por: Mais doce que o mel às 12h04







Deus, o homem e os deuses
Compartilhe:

 
 Na antiguidade os deuses eram criados para serem cumplices dos atos humanos, por exemplo: o deus do vinho que lógico, era o advogado dos que se embriagavam.

 

Eram deuses que não tinham nada de santo (separado), mas pelo contrário, tinham comportamentos humanos tais como: maldade, bondade, egoísmo, fraqueza, força, vingança, entre outros. Representavam, ainda, fenômenos da natureza. Entretanto eram considerados imortais.

 

Assim, ao longo do tempo surgiram tantos deuses criados para justificar a arbitrariedade dos homens que já não havia nome para eles. Dessa forma foi que Paulo encontrou e pregou sobre o altar ateniense ao DEUS DESCONHECIDO . - Atos 17, verso 16 ao 34.

 

Sob a autoridade do Deus Verdadeiro – o Criador da humanidade e, por meio do Espírito Santo, Paulo pregou àquele povo a mensagem de Jesus Cristo mostrando a eles que existe um Deus que possui verdadeiramente tal título por não possuir a natureza pecadora do ser humano. Esse ser divino está acima do entendimento das suas criaturas não se inflamando com as paixões, os medos, as maldades, fraquezas dos mortais. Ele revelou o Criador.

 

O apóstolo, ao longo do seu ministério, pregou a encarnação de Deus, por meio de Jesus Cristo que se fez homem, mas não cometeu pecados, sendo levado ao matadouro como uma ovelha muda que, inocente, não abriu a sua boca. Ele foi submetido às mesmas tentações, dores e sentimentos humanos, no entanto, deveria manter-se limpo, para poder garantir aos demais seres humanos a libertação das impurezas do pecado.

 

Somente Jesus Cristo pode libertar o ser humano da natureza pecadora exatamente porque Ele venceu o pecado e além de está muito acima, Ele tem a solução para os conflitos humanos.

 

Paulo pregou sobre a ressurreição, embora não tenha sido plenamente compreendido. A imortalidade é alcançada por aquele que crer e aceita a Jesus como seu Salvador, uma vez que o Mestre Jesus morreu, mas venceu a morte ao ressuscitar. Da mesma forma como ele recebeu um corpo eterno e incorruptível (que não se deteriora e nem se contamina), os seus fiéis também o receberão.

 

Essa imortalidade a ser alcançada por meio de Jesus não significa que a pessoa vai viver na Terra eternamente, não ter doenças, não sofrer acidentes ou nunca passar pela morte física. A vida eterna adquirida através de Jesus e o corpo incorruptível serão adquiridos no momento do arrebatamento, onde a Bíblia ensina que: os mortos ressuscitarão primeiro; depois os vivos serão arrebatados, ocorrendo uma transformação corpórea instantânea - 1 Tessalonicenses 4 verso 13 ao 18. A vida abundante em Jesus é a eterna comunhão com Deus, onde ele, Jesus, foi preparar lugar e afirmou que voltará para levar consigo os que Nele creem. – João 14, versos 1 ao 3.

 

Jesus liberta os fadigados pelo pecado, que sentem o peso da carga e a necessidade de mudar, a fim de promover a reconciliação com Deus. - Mateus 11 versos 28 ao 30

 

O homem continua a criar deuses. Essa prática é comum desde a primeira geração, pois vemos que muito antes de Cristo, assim que a Terra começou a ser povoada, houve o afastamento de muitos humanos do verdadeiro Deus. Já no princípio houve a separação entre os que preferiram criar seus cultos e rituais afastando-se da instrução do Criador e os que escolheram a andar com Deus. É o que vemos tanto nos tempos de Noé, de Ló e ao longo da história.

 

Hoje não é diferente. Há muitos cultos que vieram da antiguidade e tempos remotos, assim como outros, novos, que vão surgindo dia após dia. Entretanto, as pessoas estão convertendo a verdade de Deus em mentira e vivendo de filosofias que justificam os seus atos usando a palavra “Deus”, “Fé”, para se auto justificarem ao invés de renunciar as práticas condenadas pela Palavra de Deus.

 

É notório como as pessoas fazem coisas contrárias a Bíblia e ainda assim dizem: Deus é comigo! Deus vai me ajudar! Se Deus quiser! Em nome de Jesus....etc.

 

É importante lembrar que existem vários deuses. Cada um cria o seu, como ensinou Paulo. Entretanto, o verdadeiro Deus não mudou, jamais mudará: “Ele é o mesmo ontem, hoje e será eternamente Santo”! Não habita em templos ou objetos feitos por mãos humanas. Ele transcende a isso e ao entendimento dos mortais.

 

Ele não se contamina, mas liberta os contaminados que creem em sua Palavra, em sua Verdade. Esses alcançarão Justiça.

 

A Palavra de Deus alerta que Satanás passa-se por anjo de luz, ele passa-se por deus e não permite que muitos (os que dão lugar para ele em suas vidas) cheguem ao conhecimento da verdade. As Escrituras Sagradas diz que ele engana os fracos na fé fechando-lhes os ouvidos para não ouvirem e entenderem a Palavra. Ademais, ele cega a muitos para que não vejam a verdadeira luz, pois nas trevas não veem a própria situação de pecador e a necessidade de ficar livre da imundície e da fadiga do pecado. (2 Coríntios 11, verso 14; Atos 26, verso 18; 2 Coríntios 4 verso 4)

 

Leia a Bíblia. Saiba que por meio dessa leitura você chegará ao conhecimento da verdade. Jesus disse: “Eu sou o Caminho, e a Verdade, e a Vida; ninguém vem ao Pai a não ser por mim.”- João 14 verso 6.

 

Porquanto há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem. O qual a si mesmo se deu em resgate por todos: testemunho que se deve prestar em tempos oportunos.” - 1 Timóteo 2 versos 5 e 6.

 

Amigo (a), Fale com Jesus, semelhantes palavras:

 

Mestre, entre em meu coração. Faça morada em mim. Livra-me do fardo do pecado. Traga a Paz para minha alma fadigada. Eu quero ser livre!

Jesus, liberta-me! Eu renuncio tudo quanto contraria a sua Palavra e a sua Vontade.

Estabeleça em minha vida o seu querer. Dai-me forças, fortaleça-me, para que eu consiga seguir. Ensina-me a vigiar. Multiplique a minha Fé.

Enche-me do seu Espírito Santo e transforma o meu ser.

Santifica-me pela sua Palavra que é a verdade!

Dai-me a esperança da vida eterna contigo, pois não quero, meu Deus, ser separado (a) de ti na eternidade.

Perdoa as minhas transgressões e reconcilia-me contigo! Ajuda-me Senhor! Eu creio em sua Palavra e aceito que Tu sejas o Senhor da minha Vida! Entrego-me a Ti!

Em Nome de Jesus! Amém!”

Finalmente, proponha em seu coração a andar com Deus e busque a mente de Cristo (proceder justo e reto diante de Deus e dos homens) para que não se perca com as fantasias e ilusões do dia-a-dia.

 

Pois temos um advogado nos Céus que sofreu as mesmas tentações humanas, mas não pecou e por isso é Justo e pode resgatar o homem do pecado. Não permitindo que a continuidade delitiva, pois não se fez e não se faz cúmplice da natureza pecadora.

Ele veio para libertar, assim Ele, Jesus Cristo é o libertador!

 

"Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o justo." - 1 João 2 verso 1

"E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens pelo qual devamos ser salvos. " – Atos 4 verso 12

 

Ore e Leia a Bíblia diariamente!

Por S.S.Montalvão


Postado por: Mais doce que o mel às 12h04






 

 

 

 

 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A Palavra de Deus é mais doce que o mel, pois satisfaz não apenas os anseios físicos, mas também os espirituais.

 

Muitas pessoas contestam a veracidade da Bíblia por seus livros terem sido escritos por seres humanos. É óbvio que não poderia ser diferente! Se nós vivemos em matéria Deus necessitou materializar a Sua palavra para que pudessemos entende-la. A diferença entre estes escritores e os demais é que estes foram separados para contarem a mesma história ou para dar continuidade a um fato já inscrito. Foram, ainda, escolhidos entre pessoas de diversos níveis sociais com profissões diferentes entre si, em épocas (algumas diferenças de até milhares de anos) e locais diversos. Por exemplo, Deus escolheu: médico (Lucas), pescador (Pedro); Príncipes (Moisés, Isaias); Reis (Davi e Salomão) entre outros. Estes homens foram inspirados pelo Espírito Santo de Deus, esta é a grande diferença entre este conjunto de livros e os demais. Este é o Livro dos livros.

 

Quem o inspirou e até aqui o guardou é o mesmo que abre o coração, o intendimento espiritual para que a criatura humana possa entendê-lo e interpretá-lo sendo, desta foram, fácil, para quem tem o Espírito de Deus, discernir que nem toda interpretação da Bíblia é realmente o que Deus quis é quer que os seres humanos entendam. Somente quem pede a Deus entendimento é que pode entendê-lo. Só o Espírito Santo de Deus é quem pode nos revelar os mistérios de Deus.

 

A Bíblia é uma biblioteca onde há livros que narram fatos de épocas históricas diversas sendo que muitos destes fatos a ciência, através de pesquisas,já comprovou a ocorrência. Fatos narrados no livro de Jó, por exemplo (Deve-se observar que este é o livro mais antigo da Bíblia).

 

A Palavra de Deus é, portanto, o livro por excelência. Quem a ignora simplesmente vaga pela Terra, pois há fatos alí descritos que ainda hão de suceder já que fala-se de fatos passados, presentes e futuros.

 

Ora, é essa a bússula deixada por Deus a homens e mulheres.

 

O rei Davi proclamou: Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. (Salmos 119. 105).

 

***

 

Qual o tema Central da Bíblia?

 

JESUS CRISTO, de Gênesis à Apocalípse.

 

Por que?

 

A Bíblia inicia falando da origem da Terra e da vida na Terra.

 

Fala do paraíso -Jardim do Éden;

 

Fala da decadência espiritual e fisica do ser humano;

 

Fala da necessidade da vinda de um regenerador;

 

Fala de um povo que Deus escolheu e guiou, pois daquele meio viria este regenerador - Jesus Cristo.

 

Mostra, também, o que acontece quando o povo é obediente e quando não o é, isto é, exemplifica através das experiências dos povos.

 

Em sua Palavra Deus revelou o salvador caracterizando-o de forma que quando este viesse, se cumprissem as profecias, não deixasse o povo confundido.

 

A seguir são revelados os meios que Deus põe a salvação ao alcance dos homens.

 

Deus continua, livro à livro revelando o seu amor, o seu plano de salvação para trazer a criatura humana, novamente, para junto de si.

 

A Bíblia narra o nascimento do Salvador, a vida, a morte e, principalmente a ressurreição.

 

O Espírito de Deus continua mostrando como o homem poderá voltar ao paraíso, mas desta vez o paraíso é incorruptível e o povo que lá irá entrar também o é. Foi para isto que Jesus ressuscitou_para dá a vida eterna, pois Jesus venceu a morte.

 

No Novo Testamento Jesus afirma que aquele que Nele crê ainda que esteja morto viverá.

 

É necessário crer_ esta é a chave_ acreditar em Jesus Cristo (sua vinda como homem através de uma virgem sendo Ele o Filho único de Deus Pai enviado com o propósito de sofrer as mesmas tentações que nós e não cometer pecados; morrer; ressuscitar e voltar para levar consigo os que permanecerem fiéis) É imprescindível aceitá-lo como Salvador pessoal.

 

A Bíblia é o livro de revelações_Revelações de Deus aos seres humanos. Termina falando do mesmo ponto que começou: o início da Terra (de uma nova Terra); descreve um paraíso(este será diferente, pois Satanás alí não estará já que será lançado no Lago de Fogo); termina falando de um novo ser humano regenerado, puro, limpo diante de Deus. Esta criatura humana não mais pecará, não mais terá dores, não mais chorará, pois seu lugar será eternamente ao lado de Deus.

 

Mas, a Bíblia deixa claro as condições para ser habitante desta nova Terra. Um dos requisitos é guardar as palavras deste livro.

 

Amigo, Leia a Bíblia!

 

Se você ainda não tem Jesus chame-o para entrar em seu coração e clame para revelar-te os mistérios de Deus. Aceite-o como seu único e suficiente salvador declarando que não há outro intermediário entre Deus e os seres humanos a não ser Jesus Cristo. TOME POSSE DA SUA HERANÇA!!

 

Deve-se observar que em todo o momento, desde a criação do ser humano, Deus respeitou o livre-arbítrio, a vontade de cada indivíduo. Deus dotou o homem de vontade, não quis criar robôs e não os fez. Deus, o Criador, colocou diante dos homens as opções: ser feliz: seguí-lo; não ser feliz: não seguí-lo. Cabe a cada um escolher o caminho a seguir e se responsabilizar pela decisão e consequencias da esolha que fez. Deus não invade a sua vida. Ele espera que você o convide para entrar.

 

Jesus disse:

 

"Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa (seu coração)e com ele cearei, e ele, comigo.

 

(Apocalípse 3. 20)

 

Antes de sua crucifiação Jesus Cristo afirmou:

 

"Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. E para onde eu vou vós conheceis o caminho. Disse-lhe Tomé: Senhor, não sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho? Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim."

 

S.S.MONTALVÃO

 
 

 

 

 

 

 
 
 
Estas palavras são fiéis e verdadeiras. O Senhor, o Deus dos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve ao de acontecer. Eis que presto venho. Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro. Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas descritas neste livro; e, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida e da Cidade Santa, que estão escritas neste livro.

 

(Apocalípse 22)

 
Lanna S. GÊNERO: Feminino LOCAL: Brasíl
 

CristaoSite - A sua Referência Evangélica na Internet

 


Tecnogospel: Os melhores links evangélicos


Do Senhor é a terra e a sua plenitude, o mundo e todos os que nele habitam; pois ele a fundou sobre os mares e a firmou sobre as águas. Quem subirá ao monte santo do Senhor? Quem estará no seu lugar santo? Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura com engano. Este receberá do Senhor a benção e a justiça do Deus da sua salvação. Tal é a geração daqueles que o buscam, daqueles que buscam a tua face, ò Deus de Jacó. (Salmos. 24. 1-6)

 Clique



 indique esse blog

 Desde 4/02/07




free counters

XML/RSS Feed


Subscreva